terça-feira, 29 de março de 2016

Descansar: essa bela necessidade!

Ontem uma cliente fantástica, com um foco maravilhoso para o que deseja alcançar lembrou-me da necessidade de tempo para descansar!


Ontem tive uma sessão que me fez ficar a pensar na importância de reservarmos tempo para nós. Esta minha cliente tem uma vontade extraordinária para atingir o seu objectivo, de tal forma que se multiplica para conseguir esse objectivo no menor espaço de tempo possível.
Claro que, entre trabalho, escola, exames, etc. fica a faltar o tempo mais precioso: o tempo para descansar.

Actualmente, as actividades/ tarefas/ necessidades sociais transformaram a nossa sociedade de tal forma que nos mantemos "disponíveis" 24 horas por dia, 7 dias por ano. Conheço pessoas para quem os seus chefes ligam a meio da noite, que se levantam às 5 da manhã para apanharem o avião das 7 (como eu fiz durante muito tempo), que trabalham e estudam e ainda cuidam dos filhos, ... Dormir 4 horas por noite passou a ser visto como sinónimo de "bom trabalhador" ao invés de sinónimo de "perigo"!

Vejamos, será mesmo que estamos atentos a uma reunião depois de dormirmos 4 horas por noite todos os dias da semana? Será mesmo que temos energia para brincarmos com os filhos quando chegamos a casa depois de 12 horas no escritório? Será mesmo que temos capacidade de estudar depois de trabalharmos e irmos para as aulas?

Outra pergunta é: será que com 6 ou 7 ou 8 dias a trabalhar 10 ou 12 horas por dia, acrescido das tarefas domésticas e dos filhos, há algum minuto em que realmente percas tempo para pensar? No meio de tantas checklists, haverá lugar na agenda para te fazeres aquelas perguntas essenciais para te manteres no percurso que tu próprio traçaste para ti?
  • O que ando eu a fazer por aqui? O meu propósito de vida mantém-se?
  • Hoje fiz alguma coisa para chegar cada vez mais perto do meu propósito de vida e da minha missão?
  • Hoje tive tempo para me dedicar às minhas prioridades?

Ouço muitas pessoas dizerem-me "Eu sei que odeio o meu trabalho e que devia chegar a casa e mandar CV's e tirar um curso, mas quando finalmente tenho um bocadinho para parar, não tenho coragem para mexer um músculo e acabo por adormecer no sofá a ver uma porcaria qualquer".
Não vou criticar! Tão pouco vou dizer que é errado ou que deverias ter energia para fazer tudo isso e algo mais! Eu já aí estive e sei bem, muito bem, como te sentes. 

Por vezes precisas de ter coragem para abrandar e ouvir o teu corpo. Dorme o que o teu corpo te pedir para dormir... isso vai ajudar-te a tomares melhores decisões, a teres maior produtividade, a aproveitares melhor os teus dias e a teres mais tempo para aquelas actividades que te ajudarão a atingir o teu propósito de vida.


A coragem para descansar - porque abrandar pode ser a decisão mais corajosa que podes tomar

E se chegas ao final do dia a pensar que te voltaste a esquecer de tirar tempo para ti e para descansares, porque não colocas isso mesmo na tua checklist?
Deixa-me dar-te umas ideias malucas:
  • Coloca na tua agenda ou lista de tarefas "10 minutos de meditação" - vais querer cumpri-lo, seja na tua hora de almoço, no WC, a caminho de casa,... Tenta visualizar o teu dia perfeito: imagina-te a vivê-lo.
  • Pára num qualquer local no caminho para casa onde te sintas bem e senta-te no chão, num banco, no capot do carro 10 minutos a observar tudo à tua volta. Inspira e expira profundamente.
  • Levanta-te 10 minutos mais cedo, abre a janela e simplesmente inspira e expira profundamente.
  • Escolhe 1 dia por semana para te deitares 1 hora antes da hora habitual.
  • Sempre que faças as actividades que decidiste implementar, celebra!!!


E no meio de tudo isso, não te esqueças de descansar!!!!
A verdade nua e crua é que o nosso corpo e o nosso cérebro precisam de descansar. E se não acreditas em mim, basta colocares num motor de busca "do i need to rest?"


Bons sonhos.
M@rta