domingo, 27 de setembro de 2015

Planeando Projectos Novos I

Hoje sentei-me para planear a redecoração da casa. E com isto lembrei-me que, como eu, muitas pessoas aproveitam o regresso das férias para fazer o mesmo... recomeçar para muitas pessoas vem com o regresso das férias, com a energia em alta e, depois de umas merecidas férias, chegar a casa e ver mais do mesmo ajuda a lembrar-mo-nos que está na hora de ver alguma coisa diferente.



Não é de hoje o planeamento para a redecoração da casa. Mas tenho vindo a comprar umas coisas aqui e outras ali, escrito nuns papéis, sem efectivamente me organizar e planear as coisas como deve ser. Claro está, a minha forma de ser falou mais alto e sem me aperceber já estava a colocar num excel todas as ideias.

Ao longo dos anos e, devido a uma forte paixão por decoração, aprendi algumas coisas essenciais para decorar uma casa:

1. CORES
As cores devem ser a base do conceito da decoração. Devemos sempre escolher uma cor base, uma cor secundária e 2 ou 3 cores para pormenores. Uma vez que sou louca pelo branco, essa é sempre a minha cor base e as outras vão depender do objectivo, do local e do tempo que lá passo.


2. FLEXIBILIDADE
Nunca mas nunca, principalmente no caso de pessoas que adoram mudar (como é o meu caso) coloques mobiliário ou peças que, em caso de mudança, te impossibilitem de seres totalmente flexível
Dou-te um exemplo, a minha sala até agora tinha a base branca, com móveis brancos a contrastar com móveis em madeira não trabalhada e como cores de pormenores o vermelho e o azul oceano. Na altura em que comprei o sofá, pensei em comprar 1 sofá vermelho, mas acabei por optar pelo branco. Neste momento, estou super satisfeita, pois posso agora mudar as cores dos pormenores sem pensar que desperdicei dinheiro... apenas substituo umas mantas, umas almofadas e já está... 

3. RESTAURO
Claro que isto depende dos gostos de cada um, mas adoro peças restauradas. Creio que personalizam o espaço. Pessoalmente adoro a ideia de eu própria restaurar móveis, o que me leva a passar muitas horas entretida com lixas, trinchas e tintas, de tal forma de já desviei algumas peças que esperavam pelo lixo à porta de alguns prédio em Lisboa para o meu apartamento e, claro, o OLX e o Custo Justo têm sido uns amigos fantásticos. 
Mas nem todas as pessoas têm o mesmo gosto ou paciência. Por isso mesmo, há centenas de locais onde pode levar peças para serem restauradas ou adquirir peças já no seu estado embelezado. 
Deixo algumas das minhas proezas para verem alguns exemplos (embora estas fotos já tenham uns bons anos):





4. MUDA OS MÓVEIS DE LUGAR 
Mudar os móveis de lugar é das técnicas de decoração mais inteligentes pois, sem gastar dinheiro e sem grandes alterações, é possível mudar o aspecto de uma divisão. Eu tenho uma mesa de jantar (como podem ver na foto) que não é particularmente grande e, uma das coisas que faço com mais frequência em colocá-la paralela com a parede ou perpendicular com a mesma, dependendo do que pretendo (jantar a 2, festa, buffet,...) ou da vontade daquele dia. 

5. PINTA AS PAREDES

Esta técnica consegue rapidamente mudar radicalmente qualquer divisão. Uma parede mais escura, um papel de parede, uns efeitos, etc. ajudam a alterar a forma como os nossos olhos vêem o espaço ao nosso redor. 


6. PRESENTES
Quando me mudei a minha mãe tentou ajudar com ideias e projectos. A verdade é que nós gostamos do que gostamos, mas acabamos por ter de aceitar presentes que não se adaptam de todo ao nosso gosto ou projectos. 
A melhor coisa que fiz na altura foi pedir à minha mãe que não comprasse nada para a minha casa. Se me quisesse oferecer algo, eu iria com ela e assim ficávamos as 2 muito mais contentes.


7. OS PORMENORES
Apenas alterando as coisas mais simples (cortinados, almofadas, edredon, tapetes, etc.) conseguimos ter uma perspectiva diferente. Geralmente e como mencionei antes, eu deixo para essas peças as cores secundárias, de forma a que no momento em que quero uma mudança de cores, são apenas essas peças que eu mudo. 

O quadro Whistler's Mother
no filme Mr. Bean

Outro excelente truque é a colocação de quadros nas paredes. Cuidado com a peça que colocas, mas se gostas de pintura, será fácil tomar a decisão. Pode também, em algumas divisões, colocar espelhos na parede. Ficam muito giros e aumentam o tamanho do espaço. 



8. APROVEITAR, APROVEITAR, APROVEITAR!
Tudo é aproveitável, seja para vender, para restaurar ou para utilizar num outro local dentro de casa (a não ser, é óbvio, algo que já esteja estragado). Um móvel antigo pode virar o centro de uma divisão ultra-moderna, um candeeiro com a cor errada num lado, vira o candeeiro certo no outro. E se já não tem mesmo utilidade, vende ou oferece. Há associações que recolhem móveis e decorações e as entregam a quem mais precisa (vê abaixo algumas). 


E com tudo isto em mente, começou mais um projecto aqui em casa... redecorar a sala... O plano está feito e já vai bem adiantado. Estou ansiosa para fazer a festa de celebração. Sim, aqui por casa, tudo é razão para festa!!!

Deixo-te aqui os ficheiros em excel e pdf como é hábito, com o exemplo do meu plano de redecoração da sala. Espero que gostes e que te seja muito útil.

Plano de Projecto Excel
Plano de Projecto PDF


Até já.

M@rta



Como prometido, cá estão algumas associações que recolhem mobiliário e peças de decoração. Caso conheçam alguma que eu não tenha mencionado, avisem que eu coloco adiciono. 
Trocas e doações
Betel Portugal
Inválidos do Comércio
Associação Reto à Esperança
Projecto Millenium
LOJA SOLIDÁRIA , PONTO DE RECOLHA | Rua Possidónio da Silva n.º 104, Lisboa | +351 21 395 2002
Contacta também associações da tua área de residência, juntas e câmaras- algumas fazem esse serviço também.

Caso verifiques que o que tens também serve para associações de apoio aos animais e sendo eu uma forte defensora dessas associações, não podia deixar de te pedir que oferecesses a alguma perto de ti.