quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Vais continuar a inventar desculpas? Parte II

Digo frequentemente aos meus clientes que a pior parte de não agir para a concretização dos sonhos, é o peso e a revolta no final da vida. É curioso que chegamos a um determinada idade em que todos os medos que nos impediam de arriscar parecem dissipar-se... geralmente, nessa altura, já é tarde demais.

 


Tive o prazer e a sorte de ter os meus avós maternos muito próximos de mim a vida inteira. Talvez por isso tenha valores do tempo da outra senhora :)
Infelizmente, e como acontece a muitos de nós, valorizei-os bem menos do que devia. Tinha a "certeza" que eles iam viver para sempre talvez... 

Nos últimos 2 anos de vida do meu avô, ele esteve num lar (um dos lares mais humanos que conheço - A Associação do Hospital Civil e Misericórdia de Alhandra). Todos os dias chegava do trabalho e antes de ir a casa, passava por lá, sentava-me ao lado dele (e de outros idosos) enquanto jantava e acompanhava-o ao quarto, tapava-o e dava-lhe 1 beijinho de boa noite. 
Naquela altura viajava bastante a trabalho e era frequente enviar-lhe postais do meu destino, sabendo que eu chegaria bem antes do postal.

Desse tempo, recordo-me com saudades dos momentos que passava com o meu avô, mas não só. Naqueles breves jantares, tive a oportunidade de conhecer pessoas incríveis, com histórias de vida recheadas de coisas boas e más, de sonhos concretizados e de muitos que nunca chegaram a ser mais que sonhos.

@ A última dança do meu avô com a minha mãe @

E, com esta premissa em mente, li há uns dias uma iniciativa da Santa Casa da Misericórdia de Vila do Bispo. Para celebrarem o Dia Mundial do Sonho, que se assinala a 25 de Setembro, os idosos do lar foram incentivados a escrever sonhos que gostariam de concretizar.


No meio de tantos sonhos, pus aqui apenas alguns. Podes vê-los todos clicando aqui.
É difícil ficarmos indiferentes aos sonhos destas pessoas maravilhosas. É impossível não nos identificarmos com muitos dos sonhos que eles tiveram a coragem de partilhar connosco. Sim! Coragem! Porque aprendemos a esconder os sonhos do mundo por vergonha, medo ou frustração. 

https://www.facebook.com/scmviladobispo/photos/?tab=album&album_id=1682919602026240


Curioso que, para muitos o maior sonho é voltarem a ver os filhos que os ali abandonaram. Igualmente curioso é que para muitos o seu sonho é voltar a trabalhar, quando muitos de nós sonham diariamente pela reforma. 

Mas no meio de tantos sonhos, ficaram tantos por concretizar. 

Nós não somos diferentes. Com certeza olhamos para a nossa infância e ficaram sonhos para trás. Sonhos que já irão realizar-se. Como te sentes ao pensar nisso? Descansado? Frustrado? Ansioso?
E hoje? Tens sonhos hoje para os quais já criaste objectivos? Tens já a tua Bucket List feita? Quanto fizeste este ano para realizar esses sonhos? Quanto fizeste hoje?

Se estiveres à espera de estar pronto, nunca estarás pronto... 

Não arranjes desculpas e vai!


Até já.

M@rta

PS: aproveita a oferta de Outubro e faz já o teu Teste de Auto-Estima.